Podcast na área médica

21% de crescimento no Brasil e você não vai dar atenção!? ?

Bom, os podcasts são uma tendência mundial. O Brasil já é o segundo país no mundo que mais consome conteúdo neste formato, atrás apenas dos Estados Unidos. E você, médico, está surfando nessa onda? ?

Os gêneros mais ouvidos são sociedade & cultura, comédia, educação e notícias. Como podemos ver, saúde não está entre os principais, embora as pesquisas no Google relacionadas ao tema aconteçam em quantidade expressiva. Uma pesquisa de 2019 revelou que 26% dos brasileiros recorrem primeiro à plataforma ao se deparar com um problema de saúde. Devemos, portanto, oferecer conteúdo de qualidade em todos os formatos disponíveis. Inclusive podcasts, por que não?!

O que este formato traz de diferente?

O legal desse formato, além do interesse crescente das pessoas, é que ele permite a criação de um elo mais forte com seu público, pois quebra a frieza das palavras escritas, e demanda uma produção bem simples. Ao ouvir sua voz, sua gargalhada, até seu gaguejar, o seu ouvinte/paciente se aproxima de você. E isso é bom! Além disso, a linguagem falada costuma ser mais simples e, por exigir apenas a audição, deixa o ouvinte livre para viver enquanto se instrui!

Em breve os médicos do Brasil interessados em #micologia terão ao seu dispor um portal completo sobre o tema, coordenado pela expert Regina Schechtman. O website vai contar também com conteúdos em áudio! Legal, né? ?

Esse post está sendo publicado hoje (13/02) por um motivo especial: o Dia Mundial do Rádio. Afinal, você não acha que os podcasts são uma evolução do formato do rádio?

× Dúvidas?