Impulsionamento nas redes sociais. Vale o investimento?

Ora, se vale!

As redes sociais, especialmente o Facebook e o Instagram, tiveram uma redução considerável da entrega dos conteúdos orgânicos, ou seja, sem nenhum investimento. Após as mudanças nos algoritmos das plataformas, o seu conteúdo passou a ser entregue para muito, muito menos seguidores.

Em similar proporção, suas plataformas de anúncios se tornaram mais espertas. Hoje é possível selecionar melhor para quem vamos mostrar nossa propaganda e, depois, gerar um relatório claro dos resultados obtidos com o meu investimento.

Mas antes de colocar a mão na massa ou contratar uma agência para fazer os anúncios ou o impulsionamento nas redes sociais, é importante que você tenha em mente 3 regras básicas:

⛳ Tenha claro o seu objetivo com o investimento

Você pode querer coisas diversas, como conseguir novos seguidores, gerar lead ou criar envolvimento no seu perfil, por exemplo. Sem ter claro, antes de tudo, o que se espera com este investimento, não conseguimos, depois, avaliar o sucesso da campanha.

⏱ Os resultados costumam ir melhorando com o tempo

Isso porque o trabalho é constante e vai sendo aprimorado. Dia a dia, na Visana, o nosso departamento de mídia avalia a performance das campanhas e as refina. Em outras palavras, vamos fazendo o investimento dar mais retorno!

Nas redes sociais, selecionando melhor o perfil, o raio de alcance, os interesses etc. No Google, revisando as palavras-chave, negativando termos que não nos interessam (e por isso não devemos gastar com eles), direcionando mais verba para o que traz mais resultado e daí por diante.

Em resumo, não basta plantar a semente e esperar crescer. Tem que regar, podar, colocar remédio contra praga… Deu pra entender a analogia certo? Kkkkk

? Pelo menos uma vez por mês, olhe os números

Na Visana, enviamos mensalmente um relatório detalhado com os principais indicadores do período. Além de enviar o documento, costumamos nos reunir com os clientes para explicar o relatório e discutir os resultados. Geralmente esses papos nos dão bons insights para aprimorar a campanha no período seguinte.

Tudo isso que falamos aqui, vale (e muito!) para o nosso negócio: publicidade médica. Os cuidados devem ser os mesmos do dia a dia, levando em consideração as instruções do Conselho Federal de Medicina, em especial à Resolução 1974/11.

Ficou alguma dúvida? Entre em contato com nossa equipe!

× Dúvidas?